Como a infraestrutura impacta na escolha da escola pelos pais?

Por em
Como a infraestrutura impacta na escolha da escola pelos pais?

Você sabe quais são os critérios analisados pelos pais na hora de escolher a escola de seus filhos? Essa é uma informação valiosa para quem é empresário ou profissional no ramo educacional. Conhecer o que mais impacta os pais, além da excelência no ensino é importante para a tomada de decisões e para atrair o seu público.

Existem muitos fatores para a decisão da melhor escola para crianças e adolescentes, entre esses está a infraestrutura. Investir na estruturação da escola é importante não apenas para manter o padrão arquitetônico, mas para oferecer um ambiente apropriado para o ensino. E esse é um fator relevante para os responsáveis que vão matricular seus filhos.

Quando falamos de infraestrutura, nos referimos àquilo que está além da estética. Afinal, escola não é feita apenas de paredes e móveis e, por isso, deve ser bem planejada para que tudo incentive o aprendizado.

Nesse artigo, vamos mostrar como a infraestrutura pode ser primordial para a escolha da escola pelos pais e como a arquitetura é fundamental no processo de adequação do ambiente escolar.

Estudo destaca problemas de infraestrutura nas escolas do Brasil

Imagem de mesa de professor com lápis e maçã e muitos livros.

Em 2022, a Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon), com base no Censo Escolar 2021, revelou dados alarmantes sobre a infraestrutura de escolas públicas do país. Os problemas eram os mais diferentes possíveis e impactavam diretamente no aprendizado dos alunos.

Segundo os estudos 14,7 milhões de estudantes brasileiros são prejudicados com a falta de um ambiente de ensino adequado. A pesquisa aponta problemas diversos, como falta de água, banheiros inadequados, ausência de pátio, falta de quadra esportiva e muitos outros. O levantamento é baseado em escolas públicas, mas ele revela que além dos transtornos causados no cotidiano dos alunos, um ambiente escolar sem uma estrutura adequada prejudica muito o aprendizado.

Nas escolas privadas há um esforço constante para garantir que o espaço seja acolhedor e que incentive constantemente o aprendizado. Ter essa consciência vai melhorar o desempenho escolar e orgulhar pais, alunos e professores.

Espaço físico é lugar de convívio e aprendizado

Para tornar o espaço físico da escola em um lugar onde os alunos possam trocar experiências e aprender com facilidade, o arquiteto responsável deve pensar e planejar cada detalhe. É importante ter em mente que crianças e adolescentes de diferentes idades e culturas ficarão uma boa parte do ano letivo naquele ambiente. Portanto, uma infraestrutura harmoniosa e que convide a aprender não pode ser considerada algo irrelevante e um gasto desnecessário.

Esse é o investimento que valerá não só para os estudantes, mas para o estabelecimento de ensino que ganhará notoriedade e credibilidade entre os pais dos seus alunos.

A infraestrutura também deve atender as necessidades de cada aluno. Por exemplo:

  • para aquelas crianças menores que estão na educação infantil, o ambiente deve ser funcional e estimular a curiosidade e o desenvolvimento dos estudantes.
  • As áreas devem ser organizadas e planejadas para garantir autonomia com segurança. 
  • As salas de aula devem ter móveis confortáveis e de boa qualidade. Assim como as salas, as demais áreas devem proporcionar um ambiente social com apoio didático-pedagógico para as crianças e professores.

E isso significa que no estabelecimento de ensino não deve faltar brinquedoteca, parque infantil, quadra esportiva, área de lazer, biblioteca e recursos tecnológicos.

Infraestrutura adequada ajuda no aprendizado e na escolha dos pais

Qual pai e mãe não desejam uma escola de excelência para os seus filhos? Quando esses pais podem escolher, com certeza, vão optar por uma unidade de ensino que proporcione um aprendizado completo. E isso inclui a infraestrutura.

A estrutura escolar não impacta apenas na escolha dos papais e mamães, mas influencia na performance dos alunos. Essa foi a conclusão do estudo “Infraestrutura Escolar e Aprendizagens da Educação Básica Latino-Americana”, realizado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). De acordo com o levantamento, estudantes que frequentam estabelecimentos de ensino com infraestrutura adequada demonstram ter um aproveitamento superior aos jovens que estudam em instituições com ambientes inadequados. 

A pesquisa mostra que crianças e adolescentes têm melhores notas em matemática e em outras disciplinas quando estudam em condições estruturais melhores. Ainda segundo a pesquisa, menos de um terço das escolas brasileiras possuem salas com computadores e apenas 10% oferecem laboratório de ciências. Quando o estabelecimento oferece esses recursos, o aprendizado torna-se mais interessante e atraente tanto para alunos da educação infantil, fundamental e médio.

Isso é comprovado durante competições educacionais, olimpíadas e nos vestibulares. A maior parte dos estudantes com desempenho superior nesses eventos é oriundo de colégios que oferecem infraestrutura de qualidade.

Para que a sua escola seja capaz de oferecer uma infraestrutura completa, é necessário contar com um escritório de arquitetura especializado. Isso porque não estamos falando apenas de estética, mas de aprendizado. O estímulo ao aprendizado deve estar presente em cada etapa do planejamento. Por isso, contrate arquitetos que entendam do segmento educacional e que possa te ajudar a atrair mais e mais alunos.

Emerson Húngaro

Nascido em novembro de 1974 em São Caetano do Sul, formado em 1999, arquiteto titular, São Paulo, Brasil.Como estudante trabalhou nos escritórios: PJO Instalações Elétricas e hidráulicas, Haron Cohen Arquitetura e Comunicação Visual e também no escritório BACCO Arquitetos, adquirindo grande base para o início da carreira.Formou o escritório Estúdio Hungaro Arquitetura em 2002, posteriormente alterado para Hungaro, Valente Arquitetura, onde é sócio e responsável técnico pelo departamento de projetos de arquitetura, concepção, compatibilização, coordenação e design das edificações.Certificado PMSP I certificação em acessibilidade, Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida – SMPED/CPA, em 2015 / atualização 2017.Parcerias de projetos de arquitetura com Adilson Costa Macedo | Prof. arquiteto, da Locum Arquitetura e Urbanismo, São Paulo.

Comentários